Um Estudo de 11 de setembro

Evidência Científica que a História Oficial de 11 de setembro é uma Mentira

Escrito por Frank Hoogerbeets
Publicado em 14 de fevereiro de 2006

Logo depois dos eventos de 11 de setembro, pessoas levantavam perguntas sérias sobre a história oficial. Agora, quatro anos e meio mais tarde, a evidência de que esta história é uma mentira, está completa. A pergunta é, quem está indo fazer algo a respeito? Nós nos sentaremos e deixaremos isto como está, permitindo que os perpetradores continuem com suas ações ilegais? Onde você pensa que isto nos levaria? O que acontecerá com a nossa democracia se permitirmos tais práticas? E talvez a maior questão que possamos nos perguntar seja “porque ainda permitimos que criminosos liderem nosso país e mais e mais determinem nossas vidas?” As pessoas deste mundo, por favor pensem sobre o que vocês permitiriam que este mundo se tornasse se vocês permitem o curso atual de ações tomadas por nossos líderes que nada buscam além do poder e controle sobre os outros e eventualmente o total domínio mundial!

Alguns podem até pensar que a história oficial seja verdadeira, porque eles simplesmente não podem acreditar que nossos líderes seriam capazes de cometerem crimes tão terríveis contra seu próprio povo. Bem, se você é uma das pessoas que vive em um tal estado emocional que simplesmente não pode lidar com a verdade que nossos líderes são capazes de fazerem estas coisas, a despeito da evidência científica que eles são, então, por favor, não leia mais nada. Você não vai poder, de qualquer modo, aceitar isto. As emoções podem e derrubam a capacidade de alguém de pensar claramente e examinar os fatos com uma mente clara. Os nossos líderes e de fato as nossas redes corporativas sabem disto e utilizam isto para tirar vantagem e tomar o controle sobre você. Olhe o que tem acontecido desde 11 de setembro; o ato patriótico, o departamento de casa e segurança, Afeganistão, Iraque, o governo americano espionando seu próprio povo e até mesmo a Constituição sendo questionada! Você realmente está preparado para desistir de sua liberdade para ser protegido do chamado “terrorismo”? Se nosso país realmente seja salvador do que foi antes de 11 de setembro? Encaremos isto, você tem sido enganado pelo nosso governo.

Fora as histórias selvagens que fluem pela internet e as afirmações de nosso governo que tudo isto são teorias da conspiração, certamente existe evidência científica fornecida por cientistas e estudants que realizam suas próprias pesquisas e tem provado além de qualquer dúvida que a história oficial do que aconteceu em 11 de setembro é uma mentira. Fornecerei alguns fatos muito importantes que nos dirão uma história inteiramente diferente quando vista pelas leis da física e as leis da natureza, como as conhecemos. O que eu lhe mostrarei aqui vem do documentário “Testemunha Ocular de 11 de Setembro” [9/11 Eyewitness] e no caso de você não conseguir acesso a este documentário, o que você realmente deve tentar fazer, você pode ler a evidência apresentada neste artigo.

Primeiramente, esqueça tudo das chamadas “evidências” fornecidas pelo governo de que os terroristas estavam por trás dos ataques. Toda a informação apresentada pode ser facilmente falsificada por todos os meios sofisticados que a segurança e outras agências do governo tem a disposição delas. A evidência pode ser e de fato tem sido fabricada em muitos casos para obter o que é desejado, não apenas no caso de 11 de setembro. Isto não é segredo e é bem sabido. Por exemplo, as faladas chamadas telefônicas que seres amados receberam de seus parentes ou amigos. Tem sido cientificamente provado que estas chamadas não podem ser sfido feitas de aviões que voavam a 32.000 pés como foi feito pelo vôo 93. O sinal simplesmente não seria bastante forte. Isto tem sido testado e confirmado!

Mas e quanto ao colapso dos edifícios? Admitidamente, ao tempo dos eventos que foi tudo tão horrível que você não pode culpar ninguém por não ter uma mente clara para o que realmente estava acontecendo. Contudo, as fotografias e filmagens e registros dos eventos ainda estão lá e agora podemos ter uma percepção mais clara do que exatamente aconteceu no momento em que estes edifícios do WTC desabaram. Há ao menos três coisas que são totalmente inconsistentes com as leis da natureza e a Física:

1) Nunca antes de 11 de setembro um alto edifício com uma estrutura de aço desabou por causa do fogo.
2) Prédios que desabam, encontram a resistência de seu próprio material e portanto não desabam em queda livre, como ambas as torres do WTC fizeram.
3) Os fluxos piroplásticos, que foram evidentes na medida em que cada edifício desabava, somente ocorrem nos casos de energias altamente explosivas, como em erupções vulcânicas e demolições controladas.

Os defensores da explicação oficial que um avião de linha aérea bateu e os fogos foram responsáveis pela destruição total de três construções do WTC tem sido incapazes de citar qualquer outra causa diferente de desabamento total de até mesmo um único exemplo de colapso total de um edifício alto com uma estrutura de aço, diferente daquela de uma demolição controlada. Consequentemente eles tem citado incidentes de desabamento que não tem nem mesmo remotamente semelhança com os casos dos arranha céus do World Trade Center.

Terremotos

Tenha em mente que a escala Richter Scale é logarítmica, e que uma diferença de 0.1 significa um aumento logarítmico de um fator de 10 e um aumento sísmico de aproximadamente 30 vezes. Olhe as magnitudes que foram registradas e a quantidade de TNT que é necessária para produzi-las:

Porque há tanta diferennça na energia sísmica causada pelo colapso da torre sul (2.1) e a torre norte (2.3)? Ambas as torres eram de material e construção similar. Vamos ver o que a Lei de Conservação de Energia nos diz:

Segundo esta lei fisíca, as torres devem ter desabado em aproximadamente ao mesmo tempo e com a mesma energia sísmica sendo liberada, contudo, como temos visto, este não é o caso! Assim, o que causou a diferença? Estes assuntos nunca tem sido discutidos em público nem eles tem sido apresentados pelas redes corporativas.

Sinais de Explosões

Então há a ejeção de concreto e de aço na medida em que as torres desabam. Em um caso normal, se o topo estivese se enfraquecido suficientemente por causa do impacto do avião, ele teria caído na rua, ao invés de levar o edifício inteiro a se implodir. Veja o que diz a primeira lei de Newton, a Lei da Inércia, sobre um objeto em movimento: “Cada objeto no estado de movimento uniforme tende a permanecer neste estado de movimento a menos que uma força externa seja aplicada a ele.” Agora olhe a fotografia seguinte da torre sul quando ela começou a desabar: Segundo a Lei de Newton, o topo do edifício deveria ter caido na rua, mas ao invés disso, toda a torre desabou ejetando destroços que só podem ter sido causados por grandes explosões dentro do edifício, corrigindo a queda do topo e a mantendo no topo da segunda seção! Como você pode ver, a teoria da panqueca nunca poderia ter sido aplicada aqui, até mesmo se a estrutura do edifício não tivesse sido forte o bastante. Contudo, o projeto das torres foi feito em três seções que foram colocadas no topo uma da outra, e o avião terminou na seção superior. Os designers atualizados destas torres ainda estão convencidos de que elas deveriam ter sido capazes de deter o impacto de mais de um Boeing 707! As imagens seguintes mostram porque o prédio se implodiu: A primeira imagem mostra destroços sendo catapultados diretamente , como uma bala de canhão. A segunda imagem mostra e estrutura de aço inserida no edifício vizinho. Estas partes não haviam caído para dentro deste edifício, mas tinham sido catapultadas por uma das muitas explosões dentro das torres. Se você não acredita que haviam explosões, então, por favor, olhe o diagrama seguinte. Ele mostra o segundo de cada explosão pesada na base da torre sul que ocorreu antes de seu colapso às 9:59am: Estas séries foram tstemunhadas por muitas pessoas, e ao tempo do colapso havia também pessoas que testemunharam a série de explosões de cada andar na medida em que o edifício vinha abaixo. Isto não parece demolição controlada?

A Lei da Gravidade

Se você ainda não está convencido então considere isto: Como pode um alto edifício com estrutura de aço desabar na velocidade da gravidade e quase inteiramente em suas próprias pegadas? Isto nunca tem sido registrado na história e asseguro a você que nunca será! Somente por meio de demolição controlada pode um tal edifício ser trazido abaixo e se implodir. Se você pegar as filmagens originais e comparar o colapso de cada edifício do WTC, especialmente o colapso de edifício 7, a queda livre de um objeto da mesma altitude, você verá que todos os três edifícios vieram abaixo com aproximadamente a velocidade da gravidade, e no caso do edifício 7, até mesmo mais rápido! Como pode ser isto? Demolição Controlada. Somente com o uso da demolição controlada você pode criar um vácuo no qual um edifício desabe mais rápido do que a velocidade da gravidade. As seguintes imagens também são “frames” do documentário onde a queda do edifício 7 é comparada à queda de um objeto em queda livre:
A imagem a esquerda mostra o edifício 7 desabando. Olhe o objeto e o set de tempo que o objeto atinge o solo, e como você pode ver, o edifício 7 já está no chão. Isto não é manipulado! Todo mundo com uma cópia das filmagens originais registradas pelas múltiplas câmeras pode fazer o mesmo experimento. Tenho feito o teste. Você pode fazer o dowload dos resultados aqui (com resistência do ar) and aqui (no vácuo), ambos arqivos tem aproximadamente 3MB.

Fluxos Piroclásticos

Fluxos Piroclásticos são fenômenos físicos muito específicos e não amplamente entendidos que desempenharam um papel proeminente na aparência física dos colapso do WTC. Na medida em que cada edifício desbava, as ruas ficavam cheias de fluxos piroclásticos. O que é fluxo piroclástico? A ciência afirma que:

Fluxos Piroclásticos só podem ocorrer quando uma densa mistura de poeira fina é suspensa no ar ou os gases vulcânicos estão concentrados em uma área definida. A suspensão então agirá como um fluido mais denso e separado que permanece distinto na medida em que se move para o meio menos denso. Por causa de sua densidade, tais fluxos podem alcançar velocidades de centenas de milhas por horas e causar um dano tremendo, especialmente com as altas temperaturas vistas em eventos vulcânicos.

O único outro exemplo deste fenômeno ocorre sob a água e é chamado de corrente de turvação. Isto geralmente ocorre quando a concha sedimentar continental age profundamente nas bacias oceânicas como ocasionais “deslizamentos de terra” de sendimento que se quebra e flui ladeira abaixo. A única exceção conhecida para Fluxos Piroclásticos ocorrerem além da natureza é quando um alto edifício é derrubado pela demolição controlada. Vamos dar uma olhada em algumas fotografias tiradas do Rio Hudson:
Como você pode ver nas fotografias, os Fluxos Piroclásticos do complexo do WTC são muito similares aqueles das erupções vulcânicas. Então, novamente o que fez estes edifícios desabarem? E mais do que tudo, porque o governo não responde estas perguntas?

Sumário

1) Ambas torres eram aproximadamente idênticas e deveriam ter desabado aproximadamente ao mesmo tempo e apresentando aproximadamente a mesma energia sísmica. Ainda que haja uma diferença na escala Ritcher de 0.2, o que representa aproximadamente 1.3 toneladas de TNT. De onde veio esta energia extra?
2) O topo da torre sul não caiu como deveria ter caído segundo as Leis de Newton, mas ao invés desabou o prédio inteiro ejetando toneladas de aço. Normalmente este tipo de colapso é somente observado quando é usada uma demolição controlada.
3) Séries de grandes explosões foram ouvidas e registradas nos porões de todos os três edifícios produzindo grandes nuvens de poeira.
4) Todos os três edifícios cairam quase que em queda livre em suas próprias bases o que segundo as leis da Física é impossivel, por causa da resistência causada pelo ar e os destroços. O colapso em queda livre de um edício alto e com uma estrutura de aço somente pode ser obtido pelo emprego de demolição contolada.
5) Todos os três edifícios produziram nuvens piroclásticas sob o colapso, indicando que grandes explosões suspenderam a poeira fina no ar. Este fenômeno é conhecido ocorrer apenas em três situações: 1. erupções vulcânicas 2. correntes de turvação, 3. colapsos de edifícos causados por demolição controlada.

Conclusão

De toda evidência fornecida pelas câmeras de filmagem, testemunhas e fotografias, a única conclusão que nos sobrou é que os três edifícios WTC1, WTC2 e WTC7 foram derrubados por demolição controlada. E acredito que se este ataque com os mesmos meios fossem realizados por terroristas reais de outros países, esta teria sido a explicação oficial! Já que o governo não responde as perguntas sérias que as pessoas tem, ou aparece com uma explicação realmente boa e apropriada, eles permanecem suspeitos de terem eles próprios cometido estes atos, e até o dia de hoje nada existe que prove o contrario!

Militares de Alto Escalão e Pilotos de aeronaves concordam que o vôo 175 não atingiu a Torre Sul do WTC.

de Dave vonKleist

15 de dezembro de 2005

Surpreendentes novas revelações sobre os ataques de 11 de setembro foram recentemente liberadas no programa de radio “The Power Hour”. O Cel. George Nelson da USAF (reserva), que tem trinta anos de experiência em identificar aeronaves e partes de aeronaves, afirmou, “o avião que atingiu a Torre Sul em 11 de setembro não foi o vôo 175 da United Airlines (UA)”. Depois de revisar inúmeros video clips e fotografias dos ataques de 11 de setembro, ele concluiu , “Que não foi uma aeronave comercial. Os aviões foram substituídos .”

Esta conclusão chocante está também sendo ecoada por outros oficiais militares e pilotos de aeronaves comerciais.

Glen Standish, um piloto de linha aérea por mais de 20 anos afirmou, “O avião que aparece em vários video clips do ataque não pode ter sido o Vôo 175 da UA, devido ao equipamento extra que parece estar anexado na parte inferior da fuselagem”. Um “flash” misterioso é também visto nos clips que indicam que possíveis eventos incendiáros aconteceram antes que o avião entrasse nas torres’.

Nila Sagadevin, um endurecido piloto de linha aérea om mais de 20 anos de experiência, examinou as fotos do motor que foi encontrado no sítio do WTC. Ele afirmou: “O motor encontrado no WYC era um CFM-56, que não é utilizado em um Boeing 767″, confirmando que a Torre Sul nunca foi atingida pelo vôo 175, mas um outro avião tinha tomado seu lugar.

Maj. Gen. Albert Stubblebine, do Exército americano (reserva), um especialista em análise de fotografias, revisou as fotos tiradas do Pentágono antes do colapso e conluiu, ‘O avião não cabe naquele buraco!” indicando que o dano era inconsistente com um ataque por um 757.

Esta informação explosiva não somente trás a questão da história oficial dos ataques de 11 de setembro mas também os motivos reais por trás das guerras do Afeganistão, Iraque e Guerra ao Terror, os beneficiários dos contratos do governo, e a resultante legislação como o Ato Partiota dos EUA que foi aprovado sem a revisão do Congresso, depois dos ataques de 11 de setembro.
Por causa do número crescente de militares, pilotos civis,Físicos, educadores e oficiais do cumprimento da lei estarem agora questionando a história oficial de sequestradores rsponsáveis pelo ataque de 11 de setembro de 2001, há uma chamada pela reabertura de uma investigação sobre os ataques de 11 de setembro http://www.reopen911.org )

Os video clips e fotografias examinadas estão incluídos no documentário controvertido “911 In Plane Site” uma produção de Power Hour. ( http://www.911inplanesite.com )

Anúncios

The URI to TrackBack this entry is: https://conspireassim.wordpress.com/2008/05/06/um-estudo-de-11-de-setembro/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: