Armas de Plasma

Armas de Plasma

Warfare Ru

O Instituto de Pesquisa de Construção de Instrumento Radio sob a supervisão do Acadêmico A. Avramenko deselvolveu uma arma de plasma capaz de matar o alvo em altitutes acima de cinquenta quilometros. Engenheiros e cientistas do instituto em cooperação com o Intituto Nacional de Pesquisa em Física Experimental (Arzamas-16), Instituto Central de Aerodinâmica e Instituto Central de Construção de Máquina prepararam um conceito do experimento internacional Doverie (Trust), para testar a arma de plasma russa, na instalação de teste americano ABM no Oceano Pacífico, juntamente com os EUA. O custo de experimento foi estimado em trezentos milhões de dólares. Segundo o acadêmico Avramenko, a arma anti-missel de plasma não somente custa dez vezes menos do que o SDI americano, mas também é muito mais simples no desenvolvimento e operação. A oferecida proteção conjunta pode poupar gastos no desenvolvimento de sua própria arma de plasma pelos EUA. O plasmóide baseado na energia de solo de geradores de super alta frequência ou geradores laser (óticos) criam um território ionizado na trejetória das ogivas e em frente delas, e interrompe completamente a aerodinâmica do vôo do objeto, depois do que um alvo deixa sua trajetória e é arruinado por sobrecargas monstruosas. O efeito de matança é enviado ao alvo na velocidade da luz. [..]

Para propósitos práticos, as armas de plasmas já tem sido criadas na Rússia. A ação delas é baseada em focalizar raios de energia eletromagnética produzidas por um laser ou radiação de microondas nos níveis superiores da atmosfera. Estes raios são capazes de derrotar qualquer alvo voando em velocidades supersônicas ou quase supersônicas em um futuro próximo. Uma nuvem de ar altamente ionizado se eleva no foco do laser ou dos raios de microondas, em uma altitude de mais de 50 quilometros. Depois de entrar nisto, qualquer objeto – um missel, um avião, é defletido de sua trajetória e se desintegra, em resposta as fantásticas sobrecargas que se elevam devido a abrupta diferença de pressão entre a superfície e o interior do corpo voador. O que é fundamental neste caso é que a energia apontada pelos componentes terrestres da arma de plasma – laseres e antenas -, é concentrada não no próprio alvo mais um pouco a frente dele. Muio mais que “incinerar” um missel ou um avião, ela “sacode” isto de sua trajetória.

A imprensa relatou em detalhes muito consideráveis em abril de 1993 no encontro dos presidentes dos EUA e da Rússia em Vancouver. Mas uma carta permanece não inteiramente clara: Boris Yeltsin propôs a seu amigo americano a idéia de realizarem um maior experimento “Doveriye” (“Trust”) na vizinhança do Atol Kwajelein, iniciando um esforço conjunto para criar um sistema de defesa global anti-missel. Não foi senão no verão daquele ano que a ciência e a tecnologia do século XXI, o bem informado jornal do complexo industrial militar americano, finalmente nos informou que tinha havido de fato uma conversa sobre este tópico entre os presidentes. O que os políticos falaram a este respeito? Que tipo de experimento é este?

O acadêmico Ramiliy Avramenko, o projetista chefe do Instituto Científico de Pesquisa de Fabricação de Instrumento de Rádio e diretor científico dos esforços para criar armas de plasma na Rússia, sente seu filho cerebral – o plasmóide – ser invunerável. Além disso, na opinião dele, as armas de plasma ABM não somente custarão muitas ordens de magnitude menos do que o SDI, mas também serão muitas vezes mais simples de criar e controlar.

Um plasmóide tem um propósito dual. Uma tal unidade pode ser usada para “remendar” buracos de ozônio na atmosfera, e tirar o lixo espacial fora da órbita.

Segundo a confiável informação de nosso científico teste de solo já tem realizado testes nos quais um projétil voando através das descargas de plasma foi defletido de sua trajetória normal e se auto destruiu.

Testes realizados conjuntamente com os EUA, com uma arma de plasma russa contra alvos reais – misseis balísticos e aviões supersonicos – foram iniciados pelos mais proeminentes cientistas da Rússia – o Prêmio Nobel e criador dos lasers Acadêmico Aleksandr Prokhorov, o Presidente da Academia Russa de Ciências Yuriy Osipov, e o pesquisador de plasma Acadêmico Andrey Gaponov-Grekhov. Isto é o experimento “Trust”. Cientistas, todos russos,de Instituto de Pesquisa Científica de Física Experimental em Arzamas-16, o Instituto Central de Aerodinâmica, o Instituto Central de Pesquisa Científica de Construção de Máquinas em Kaliningrad, nas vizinhanças de Moscou, e o Instituto de Pesquisa de Construção de Radio Instrumentos, tomaram parte deste desenvolvimento.

Rússia seria capaz de enviar componentes da arma de plasma para a área de testes ABM dos EUA no Pacífico: geradores de microondas e umas poucas dezenas de milhares de conjuntos de elementos fásicos. Os EUA forneceriam seus eletrônicos e computadores, nos qual isto tem a liderança. Os misseis podem ser lançados de nosso país [Rússia] e das áreas de testes americanas de mísseis.

Na opinião de nossos cientistas o experimento custaria por volta de trezentos milhões de dólares. Isto, a propósito, é quatro ordens de magnitude menos do que foi planejado no orçamento dos EUA para a criação de sua própria arma de plasma. A Rússia não tem este tipo de dinheiro agora. Isto é porque nosso país sugeriu que os EUA retornassem a 1993, e que nós unissimos esforços para criar um sistema global ABM. Especialistas também sentem que se os EUA fosem continuar a trabalhar neste problema por sua própria conta, as despesas totalizariam trinta bilhões de dólares, sem qualquer certeza firme de sucesso. Tanto quanto sabemos, Bill Clinton ainda não tem se comunicado com Boris Yeltsin a respeito do experimento “Trust”. Possivelmente porque a arma russa de plasma é baseada nas descobertas de várias áreas da ciência que são profundamente desenvolvidas na Rúsia mas que não tem sido suficientemente estudadas nos EUA. E nenhum cientista ou político gosta de mostrar sua ignorância.

Anúncios
Published in: on maio 20, 2008 at 12:51 pm  Comments (1)  
Tags: ,

The URI to TrackBack this entry is: https://conspireassim.wordpress.com/2008/05/20/armas-de-plasma/trackback/

RSS feed for comments on this post.

One CommentDeixe um comentário

  1. ENTAO SAO ESTES AS ARMAS DE PLASMAS QUE OS MIB USAM P DETER OS CAÇAS DE ENERGIA DO ALLEM


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: