Direito animal prova do laço

Prezado responsável

Tentei postar um comentário sobre a matéria publicada em 20 de março de 2012 sobre o programa BBB e a participação do veterinário Rafael Cordeiro. Meu comentário, embora elucidativo quanto á matéria, não foi publicado. Sou ardente defensora do direito dos animais, tive uma cadelinha muito amada adotada de uma sociedade protetora já adulta e que me proporcionou lindos cinco anos de amor e fidelidade e a eterna saudade de have-la perdido devido a uma pancreatite aguda. Meu filho, educado no amor e respeito aos animais, hoje adulto e já casado adotou tres gatos e tres cadelas, todos sem raça definida. Tenho quatro cadelas atualmente, sendo que duas também foram adotadas. Compro ração para elas, bem como o meu filho o faz e estas rações logicamente são compostas de carnes animais, já que definitivamente cães e gatos não são animais vegetarianos.
Exerci a medicina durante 13 anos, sendo que oito destes anos o fiz no interior, em uma cidade mineira de cultura café e leite e de apenas quatro mil habitantes. Exerci também seis meses na região baiana do além São Francisco durante o ano de 1980. Tenho 60 anos.
Falo como pessoa que conhece de forma bem integrada a vida no interior de nosso país onde é marcante a cultura agropecuária.
Na década de 1990, por razões de trabalho, estive quatro vezes por mais de 20 dias cada vez justamente na região de fronteira onde nasceu e vive o veterinário Rafael Cordeiro. É um interior muito mais voltado a agropecuária de corte do que a minha longa experiencia no interior de MG. Devo dizer também que é uma área muito mais perigosa por ser infinitamente mais carente do poder do Estado.
Tendo feito a minha apresentação, vamos ao que interessa;
1 – Primeiramente há que se esclarecer o que vem a ser a polemica prova do laço comprido http://pt.wikipedia.org/wiki/Tiro_de_la%C3%A7o
2 – o porque do surgimento da ‘famosa prova do laço’ http://www.dsconto.com/laco-em-bezerro-aprenda-e-conheca-tudo-sobre-este-esporte/
3 – existe REGULAMENTAÇÃO FEDERAL vide LEI N.º 10.519, DE 17 DE JULHO DE 2002

A lei supra citada é bastante explícita e para poupar tempo a reproduzo aqui
LEI N.º 10.519, DE 17 DE JULHO DE 2002

Dispõe sobre a promoção e a fiscalização da defesa sanitária animal quando da realização de rodeio e dá outras providências.

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1º A realização de rodeios de animais obedecerá às normas gerais contidas nesta Lei.

Parágrafo único. Consideram-se rodeios de animais as atividades de montaria ou de cronometragem e as provas de laço, nas quais são avaliados a habilidade do atleta em dominar o animal com perícia e o desempenho do próprio animal.

Art. 2º Aplicam-se aos rodeios as disposições gerais relativas à defesa sanitária animal, incluindo-se os atestados de vacinação contra a febre aftosa e de controle da anemia infecciosa eqüina.

Art. 3º Caberá à entidade promotora do rodeio, a suas expensas, prover:

I – infra-estrutura completa para atendimento médico, com ambulância de plantão e equipe de primeiros socorros, com presença obrigatória de clínico-geral;

II – médico veterinário habilitado, responsável pela garantia da boa condição física e sanitária dos animais e pelo cumprimento das normas disciplinadoras, impedindo maus tratos e injúrias de qualquer ordem; [grifo nosso]

III – transporte dos animais em veículos apropriados e instalação de infra-estrutura que garanta a integridade física deles durante sua chegada, acomodação e alimentação;

IV – arena das competições e bretes cercados com material resistente e com piso de areia ou outro material acolchoador, próprio para o amortecimento do impacto de eventual queda do peão de boiadeiro ou do animal montado. [grifo nosso]

Art. 4º Os apetrechos técnicos utilizados nas montarias, bem como as características do arreamento, não poderão causar injúrias ou ferimentos aos animais e devem obedecer às normas estabelecidas pela entidade representativa do rodeio, seguindo as regras internacionalmente aceitas. [grifo nosso]

§ 1º As cintas, cilhas e as barrigueiras deverão ser confeccionadas em lã natural com dimensões adequadas para garantir o conforto dos animais.

§ 2º Fica expressamente proibido o uso de esporas com rosetas pontiagudas ou qualquer outro instrumento que cause ferimentos nos animais, incluindo aparelhos que provoquem choques elétricos.

§ 3º As cordas utilizadas nas provas de laço deverão dispor de redutor de impacto para o animal. [grifos nossos]

Art. 5º A entidade promotora do rodeio deverá comunicar a realização das provas ao órgão estadual competente, com antecedência mínima de 30 (trinta) dias, comprovando estar apta a promover o rodeio segundo as normas legais e indicando o médico veterinário responsável.

Art. 6º Os organizadores do rodeio ficam obrigados a contratar seguro pessoal de vida e invalidez permanente ou temporária, em favor dos profissionais do rodeio, que incluem os peões de boiadeiro, os “madrinheiros”, os “salva-vidas”, os domadores, os porteiros, os juízes e os locutores.

Art. 7º No caso de infração do disposto nesta Lei, sem prejuízo da pena de multa de até R$ 5.320,00 (cinco mil, trezentos e vinte reais) e de outras penalidades previstas em legislações específicas, o órgão estadual competente poderá aplicar as seguintes sanções:
I – advertência por escrito;
II – suspensão temporária do rodeio; e
III – suspensão definitiva do rodeio.

Art. 8º Esta Lei entra em vigor 60 (sessenta) dias após sua publicação.

Brasília, 17 de julho de 2002;
181º da Independência e 114º da República.

FERNANDO HENRIQUE CARDOSO
Marcus Vinicius Pratini de Moraes
José Carlos Carvalho

4 – Também deve ser lida atentamente a matéria postada sobre acidentes em estrada provocado por animais em http://www.intelog.net/site/default.asp?TroncoID=907492&SecaoID=508074&SubsecaoID=948063&Template=../artigosnoticias/user_exibir.asp&ID=705230&Titulo=Para%20evitar%20acidentes%2C%20pe%F5es%20ensinam%20inspetores%20de%20rodovia%20a%20la%E7ar%20animais

Assim exposto e comprovado há que se rever a posição extremamente infeliz do relator da matéria publicada no dia 20 de março de 2012, claramente demonstrando seu total desconhecimento sobre a origem, prática rural cotidiana, legislação e utilidade do tão mal comentado e exposto assunto quanto a prova do laço comprido.

Em um site que se propõe a defender os direitos animais tal matéria é de causar completa perplexidade por ser eivada de erros e radicalismo e contrasenso. O site defende também a adoção de animais tais como cães e gatos que são, tal como grande parte dos humanos, carnívoros. Ao condenar radicalmente a ingesta de carne e consequentemente todas as práticas necessárias á pecuária estamos implicitamente exigindo que nossos cães e gatos tornem-se o que por uma impossibilidade natural não podem se-lo; vegetarianos.

Diante de todo o exposto, peço que seja revista a matéria publicada ou que ao menos seja-me concedido o direito de resposta. A propósito, também tenho um blog sobre assuntos gerais com um mínimo de 120 visitas/dia e nele estou imediamente postando este e-mail com o link para seu site . Desculpe-me algumas faltas de acentos. Teclado está ruim.

Atenciosamente,

Lydia Ribeiro

Published in: on março 22, 2012 at 12:27 pm  Comments (2)  

Boninho, o BBB , as Redes Sociais e o Público

Era uma vez um diretor também conhecido como Zeus ou Doninho. E começava o BBB12 onde o próprio Boninho declara que “Não adianta rezar porque Deus não existe”. Daí, já ao começar o programa, um  reality show, que deveria representar “brasileiros e brasileiras”, verifica-se que a maior parte dos participantes é composta de convidados e não, como seria de se esperar, de inscritos.

Tá bem, vamos em frente. Na primeira semana, nas redes sociais surge a histeria sobre um possível [ou suposto?] estupro da participante Monique Chuteira durante sua ficada com o também participante Daniel Modelo. Daí o enredo mais que decorado por todos nós: foi não foi, Ministra dando pitaco, polícia no PROJAC e para resumo da ópera, Daniel expulso por “infringir normas do programa’ mesmo depois de Monique ter TESTEMUNHADO para a polícia que ‘foi mão naquilo e aquilo na mão’ na mais perfeita e natural ordem das coisas. 

Boninho não gostou. Poupou Monique para abafar um estupro que no testemunho da própria não houve e expulsou Daniel para retirar a polícia do PROJAC. Ninguém entendeu este dois pesos e duas medidas. Monique também devia sair ou Daniel ficar.

Com a permanência de Monique  o melodrama barato e de quinta continuou. Porque? Porque Boninho quer descontar nas Redes Sociais e no Público todo ódio e recalque de terem contestado Zeus, aquele que diz em alto e bom som que “não adianta rezar no BBB porque Deus não existe”. 

Infelizmente Boninho está certo. As Redes Sociais e o Público não se movimentam para exigir a saída dele da direção do programa.

Ele continuou manipulando o programa inteiro com “EDIÇÕES VERGONHOSAS E MENTIROSAS, PROVA DE AUTOIMUNIDADE DE CARTA MARCADA e tudo mais’. Ele insiste em fazer Campeã do Programa e dar um milhão e meio justamente Monique, que tem algo em torno de 5% da preferência do público… E a GLOBO nessa hora não preza seu nome de canal aberto mais assistido e mantém Doninho na direção de um programa que, se a cada dia mais perde audiência e patrocínio é justamente devido a falta de credibilidade, confiança e aos desmandos insanos de seu diretor.

E as Redes Sociais comentam e repisam dia a dia seus favoritos enquanto o público SONORAMENTE não embarca na historinha da EDIÇÃO e samba na cara de Boninho com os índices de rejeição de seus “preferidos” pelo simples capricho de sambar na cara das Redes Sociais e do Público.

É este o impasse e quem leva o xeque-mate da verdade é a PODEROSA GLOBO, que detém os direitos do formato do programa e não querendo perde-los para outra emissora de TV irá para uma nova edição do BBB. Se ela for com Boninho diretor e Monique campeã por meio de MANIPULAÇÃO, pode dar adeus à audiência e por conseguinte aos patrocinadores.

Perdemos todos nós, mas a GLOBO perde mais porque já vem no SBT um programa no formato do BBB e SEM BONINHO e a FAZENDA continua conquistando espaço porque não tem lá um BONINHO escancaradamente incompetente. 

Resta saber que escolha  a GLOBO fará: segura um diretor odiado por todos e confiável para ninguém e despenca ainda mais em audiência e patrocínio ou reformula e MUDA a direção do programa?

Published in: on março 11, 2012 at 1:34 pm  Comments (2)  
Tags: , , ,